domingo, agosto 06, 2006

músicas da minha colecção
(post inspirado no anterior, esta moda pega!)
(ah, esta tirei do baú...)


Esta paz que sinto em minh’alma
Não é porque tudo me vai bem
Esta paz que sinto em minh’alma
É porque eu sirvo a um Deus fiel

Não olho as circunstâncias, não, não, não
Olho o seu amor, (seu grande amor)
Não me guio por vistas, alegre sou

Este gozo que sinto em minh’alma
Não é porque olho ao meu redor
Este gozo que sinto em minh’alma
É porque eu olho para o meu Senhor

E ainda que a terra não floresça
E a vide não dê o seu fruto
Ou ainda que os montes se lancem ao mar
Ou que a terra trema, hei de confiar

2 conversando:

Lou disse...

Confiar é uma virtude celestial que tem tudo a ver com nós mesmos.

Anónimo disse...

Oi Flávia!
Esse é o meu corinho preferido. Ajudou-me imenso canta-lo em pensamento quando as coisas não estavam correndo tão bem pra mim.
Estela Mota